Cineclube Projeção – 11ª Sessão

O FILME:
Segundo filme do diretor Terrence Malick é sem dúvida um de seus mais rigorosos visualmente. O triangulo amoroso entre empregado e patrão funciona como base para uma fantástica reconstrução da vida e das relações no meio rural dos Estados Unidos no inicio do século XX. A fotografia primorosa de Nestor Almendros (famoso parceiro do francês Eric Rohmer) é de um rigor que impressiona a cada ano que passa. Boa parte das cenas foram rodados em dois momentos do dia: ao amanhecer e entardecer. Indispensavel não citar a maravilhosa trilha-sonora do italiano Ennio Morricone (Era uma vez no Oeste) na qual buscou inspiração em compositores clássicos como Saint-Saens na produção da música tema. “Cinzas do Paraíso” foi o primeiro filme do diretor a ser premiado em Cannes, vencendo o prêmio de Melhor Diretor.

O DIRETOR:
Terrence Malick sempre foi um nome curioso do cinema norte-americano. Surgiu numa fase de ouro do cinema americano para novos cineastas (Scorsese, Coppola, Bogdanovich). Apesar disso, nunca foi um nome pra grandes bilheterias e produções. Em 40 anos de carreira dirigiu apenas 5 filmes e ficou quase 20 anos sem dirigir. Malick se formou em filosofia e trabalhou como jornalista em revistas como Life. Foi também responsavel por revelar atores como Richard Gere (Cinzas do Paraíso) e consagrar nomes como Martin Sheen (Terra de Ninguém). Foi vencedor em 2011 da Palma de Ouro de Melhor Filme no Festival de Cannes por “A Árvore da Vida”.

Sinopse: No início do século XX, Bill e Abby formam um jovem casal que vive e trabalha em Chicago, mas passa a imagem que são apenas irmãos. Quando decidem ir para o sul trabalhar nos campos, em companhia de uma garota, vão parar em uma fazenda no Texas, onde o proprietário se apaixona pela “irmã”. Porém, quando o casal descobre que ele está gravemente enfermo e tem pouco tempo de vida, considera o momento adequado para ela aceitar a proposta de casamento, a fim de receber todos os benefícios de tal união.

País: Estados Unidos
Diretor: Terrence Malick
Ano: 1978


DATA DE EXIBIÇÃO: 20/08 (SÁBADO)
LOCAL: Café e Cultura (Rua Hélio Pradines no bairro da Ponta Verde, ao lado do INEI-COC)
HORÁRIO: 17:00
ENTRADA FRANCA
ESPAÇO LIMITADO A 30 LUGARES (Por ordem de chegada)

Mais Informações: projecaocineclube.blogspot.com

Fonte: Cineclube Projeção


ISSN 2238-5290